A Orquestra

Fundada em 1997 pelos músicos mineiros Renato Almeida e Rosiane Reis, a ONG Orquestra Jovem Gerais é uma iniciativa voltada para a promoção do desenvolvimento humano por meio do acesso à arte, cultura e educação. Localizado na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, o projeto oferece oficinas de instrumentos de cordas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo), sopros (flauta transversal, fagote, oboé e clarinete) e percussão a crianças e jovens de comunidades de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social. A partir da educação musical, a Orquestra Jovem Gerais busca a inserção destes jovens na sociedade, despertando o talento artístico e gerando oportunidades culturais e profissionais. Diante deste cenário, o projeto pretende contribuir para a formação cidadã dos alunos e transformação da realidade e justiça social.

Atualmente, o projeto atende 250 crianças e adolescentes que, além das aulas de música, contam com acompanhamento psicopedagógico. Desde a sua fundação, já passaram pela ONG 1500 alunos. A Orquestra tem caráter permanente, ou seja, procura atualizar seu contato com a comunidade por meio de frequentes ações de sensibilização através de concertos e recitais. O projeto também estabelece parcerias com equipamentos sociais e culturais para a divulgação das oficinas, como associações e escolas públicas.

As transformações promovidas a partir das ações da ONG, inicialmente batizada de Orquestra Jovem de Contagem, permitiram o amadurecimento e expansão do projeto, bem como sua distinção no meio musical, conduz indo a Orquestra por novos tempos e uma importante fase de transição. Desde a estrutura pedagógica de ensino até as performances nas apresentações, a Orquestra realiza seu trabalho com públicos de diferentes faixas etárias, classes sociais e realidades culturais, que normalmente não acessam esse estilo musical. Como forma de expressar e materializar essas transformações e ao mesmo tempo valorizar o projeto pelo que o distingue, a ONG mudou de nome, tornou-se Orquestra Jovem Gerais.

O nome Orquestra Jovem Gerais representa um olhar para dentro, para o sertão que está no interior de Minas, e dentro de seus habitantes; mas também para o sertão de suas grandes cidades – como é Contagem – sertão das favelas, dos morros, das vilas e aglomerados. A Orquestra Jovem Gerais representa a importância do acesso democrático à arte e reconhece sua capacidade de unir os públicos mais diversos. É uma maneira de mostrar ao mundo o que a Cultura Mineira tem, sobretudo, através de ações que promovam a inclusão social, o combate à pobreza e os direitos da infância e da juventude.

Missão

Promover a inclusão social por meio da música, oferecendo oficinas de instrumentos de cordas e sopros para crianças e adolescentes de áreas de vulnerabilidade social da região metropolitana de Belo Horizonte, MG.

Visão

Ampliar a atuação da organização para cidades da região central de Minas Gerais, de maneira sustentável.

Valores

Ética
Inovação
Sustentabilidade
Espírito jovem
Comprometimento
Paixão pela música
Coletividade

Hoje, na Orquestra Jovem Gerais, os alunos da RHI Magnesita fizeram a primeira apresentação, durante o intervalo. Com apenas duas aulas, os alunos das turmas de violinos e violas clássicas foram capazes de apresentar duas canções. Os alunos de sopros da professora Kézia Azevedo acompanharam a apresentação na percussão. Para ficar ainda mais completo o nosso show do intervalo, recebemos a ex-aluna de violino, Marina Barroso, que nos presenteou com uma linda canção, Ave Maria de “Unto Mononen”, 3 anos depois de sua saída da orquestra. Marina voltou para contar como tem sido a sua trajetória. Agora com 12 anos, ela se dedica à música clássica e vê nela uma oportunidade de ingressar na faculdade. E para quem ficou curioso e quer conhecer um pouco mais e seu trabalho, ela se apresentará na próxima terça-feira (15) no Itaú Power Shopping, em Contagem.IMG_2599

IMG_2613

A convite da ArcellorMital, a Orquestra Jovem Gerais participou da abertura da 23º edição do “Congresso Internacional de Direito Tributário”. Com o tema “Tributação e Desenvolvimento”, organizado pela Associação Brasileira de Direito Tributário (Abradt), o evento será realizado até sexta-feira (4) e contará com 24 painéis de debates, reunindo especialistas do Brasil e de outros países, que irão discutir sobre as questões tributárias mais faladas da atualidade. Os professores Humberto Ávila, Heleno Torres, Misabel Derzi, Sacha Calmon e André Mendes Moreira são algumas das presenças confirmadas nos debates, ao lado dos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 1ª Região Hercules Fajoses, Maria do Carmo Cardoso e Marcos Augusto de Souza.

WhatsApp Image 2019-10-04 at 15.20.00 (1)

IMG_2394IMG_2401Nesta terça-feira (1), realizou-se, na sede da Orquestra Jovem Gerais, uma reunião de pais e responsáveis, para falar sobre a evolução dos alunos da RHI Magnesita. Os alunos que iniciaram as suas atividades com as aulas de flautas doces agora serão distribuídos nas turmas de violinos, violas clássicas, violoncelos e contrabaixos.
A coordenadora pedagógica, Rosiane Reis, deu abertura aos trabalhos com as boas-vindas e tocou um pouco de violino para os pais. Ela abordou a importância do acompanhamento familiar durante a estadia dos alunos no projeto. A reunião seguiu com a fala dos professores, que trataram de assuntos como normas internas da orquestra, o cuidado do aluno para com os instrumentos e como ocorreu a distribuição dos alunos nas classes.
Os pais puderam apreciar uma pequena apresentação dos seus filhos. Em seguida, o assessor de comunicação, Gustavo Henrique, falou um pouco da estrutura organizacional da estrutura organizacional da instituição e sobre a importância dos pais acompanharem as mídias digitais da orquestra.

Agenda

<< Out 2019 >>
DSTQQSS
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2
Festa da Padroeira Santa Margarida Maria de Alacoque - Belo Horizonte/MG
Paróquia Santa Margarida Maria Alacoque
Rua Tomaz Brandão, 350 - Jardim Montanhês

16/10/2019
20:00

Apresentação musical dos alunos do projeto de flautas doces - Contagem/MG
Escola Municipal Vereador Benedito Batista
Rua Antônio Soares, 100 - Xangrila

19/10/2019
10:00

Abertura da Semana Missionária - Belo Horizonte/MG
Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem
Rua Sergipe, 175 - Funcionários

25/10/2019
09:30