A Orquestra

Fundada em 1997 pelos músicos mineiros Renato Almeida e Rosiane Reis, a ONG Orquestra Jovem Gerais é uma iniciativa voltada para a promoção do desenvolvimento humano por meio do acesso à arte, cultura e educação. Localizado na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, o projeto oferece oficinas de instrumentos de cordas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo), sopros (flauta transversal, fagote, oboé e clarinete) e percussão a crianças e jovens de comunidades de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social. A partir da educação musical, a Orquestra Jovem Gerais busca a inserção destes jovens na sociedade, despertando o talento artístico e gerando oportunidades culturais e profissionais. Diante deste cenário, o projeto pretende contribuir para a formação cidadã dos alunos e transformação da realidade e justiça social.

Atualmente, o projeto atende 250 crianças e adolescentes que, além das aulas de música, contam com acompanhamento psicopedagógico. Desde a sua fundação, já passaram pela ONG 1500 alunos. A Orquestra tem caráter permanente, ou seja, procura atualizar seu contato com a comunidade por meio de frequentes ações de sensibilização através de concertos e recitais. O projeto também estabelece parcerias com equipamentos sociais e culturais para a divulgação das oficinas, como associações e escolas públicas.

As transformações promovidas a partir das ações da ONG, inicialmente batizada de Orquestra Jovem de Contagem, permitiram o amadurecimento e expansão do projeto, bem como sua distinção no meio musical, conduz indo a Orquestra por novos tempos e uma importante fase de transição. Desde a estrutura pedagógica de ensino até as performances nas apresentações, a Orquestra realiza seu trabalho com públicos de diferentes faixas etárias, classes sociais e realidades culturais, que normalmente não acessam esse estilo musical. Como forma de expressar e materializar essas transformações e ao mesmo tempo valorizar o projeto pelo que o distingue, a ONG mudou de nome, tornou-se Orquestra Jovem Gerais.

O nome Orquestra Jovem Gerais representa um olhar para dentro, para o sertão que está no interior de Minas, e dentro de seus habitantes; mas também para o sertão de suas grandes cidades – como é Contagem – sertão das favelas, dos morros, das vilas e aglomerados. A Orquestra Jovem Gerais representa a importância do acesso democrático à arte e reconhece sua capacidade de unir os públicos mais diversos. É uma maneira de mostrar ao mundo o que a Cultura Mineira tem, sobretudo, através de ações que promovam a inclusão social, o combate à pobreza e os direitos da infância e da juventude.

Missão

Promover a inclusão social por meio da música, oferecendo oficinas de instrumentos de cordas e sopros para crianças e adolescentes de áreas de vulnerabilidade social da região metropolitana de Belo Horizonte, MG.

Visão

Ampliar a atuação da organização para cidades da região central de Minas Gerais, de maneira sustentável.

Valores

Ética
Inovação
Sustentabilidade
Espírito jovem
Comprometimento
Paixão pela música
Coletividade

Foto: Glaucimara Castro / www.bsfotografias.com.br

Foto: Glaucimara Castro / www.bsfotografias.com.br

Quatro músicos da Orquestra Jovem Gerais se apresentaram no Café com a Diretoria, promovido pela rede de supermercados Verdemar, na manhã do dia 17 de janeiro de 2018. O evento aconteceu no bairro Estoril e tem como tradição reunir os funcionários que se destacaram durante o ano nas 11 lojas Verdemar espalhadas por Minas Gerais.

Foto: Glaucimara Castro / www.bsfotografias.com.br

Foto: Glaucimara Castro / www.bsfotografias.com.br

Com palavras de motivação, os diretores e equipe administrativa do Verdemar premiaram muitos funcionários e valorizaram grandes histórias de vida vivenciadas pelos integrantes. O produtor de eventos da OJG, Gabriel Henrique, também foi convidado a compartilhar com os presentes a história da Orquestra e de seus fundadores, Renato Almeida e Rosiane Reis. Os músicos adoraram participar e selaram o momento com canções populares brasileiras e clássicas.

Veja mais fotos aqui.

Quinze músicos da Orquestra Jovem Gerais participaram do “Circuito Natal da Copasa”, na terça-feira, dia 19 de dezembro. As apresentações aconteceram no Hall de entrada e no 2º andar do Cope, no 1º andar da sede da Copasa e no Térreo do prédio novo. As apresentações foram encantadoras e diferenciadas devido a participação de Contadores de Histórias. Fantasiados como na época de Jesus, o grupo simulou o nascimento de Jesus e lembrou aos presentes o espírito de amor e paz.

Circuito de Natal Copasa (39)Circuito de Natal Copasa (26)

O Circuito Natal consiste em promover apresentações aos funcionários da Copasa para celebrar o momento natalino que estamos vivendo. A Copasa acredita na Orquestra Jovem Gerais.

Veja mais fotos aqui.

A Orquestra Jovem Gerais participou da tradicional Cantata de Natal promovida pela Copasa, no fim de tarde desta segunda-feira, 18 de dezembro, na Praça da Liberdade. Em parceria com Coral da Copasa, as atrações musicais apresentaram canções natalinas e populares para o público presente.

IMG_6546

A abertura do evento ficou por conta do Coral, regido pela maestrina Eliane Fajioli. Depois foi a vez do maestro Andersen Viana orquestrar a OJG. Para fechar com chave de ouro e completar o ambiente natalino composto pela iluminação da Praça da Liberdade, Coral e Orquestra tocaram juntos.

Muitos ex-alunos da Orquestra estavam presentes na Cantata. Kezya Azevedo aprendeu flauta transversal na Ong, está concluindo a graduação em música na UFMG e falou sobre a apresentação. “Eu sempre gostei das apresentações e admiro muito a diversidade cultural. Gostei principalmente das músicas e a ordem que foram colocadas. E não foi só eu não! A galera também curtiu bastante porque todo mundo cantou e acompanhou junto.”

IMG_6553

O universitário Lucas Gomes assistiu atento ao concerto. A cantata foi a segunda vez que o estudante teve a oportunidade de apreciar a Orquestra Jovem Gerais ao vivo. “As pessoas acham que elas não têm conhecimento de música clássica, mas quando elas têm acesso, percebem que conhecem muito mais do que imaginam. E ter apresentações desse tipo é muito importante.”

Veja mais fotos aqui.

Agenda

<< Fev 2018 >>
DSTQQSS
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 1 2 3
Não há eventos.