OJG impressiona e fiéis não poupam elogios

No último domingo, dia 27 de outubro, os músicos da Orquestra Jovem Gerais encantaram os fiéis da Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem, localizada em Belo Horizonte. Após a celebração da Missa, com muita música boa, os alunos não apenas tocaram seus instrumentos, como também cantaram! No repertório com coral, canções como “Lata dágua”, “Ai que saudade docê” e “Caçador de mim”. Ao final, Henrique Santos, membro da organização do evento, disse: “A apresentação foi linda! É excelente o trabalho de vocês e só tenho a agradecer por ter nos atendido.”

WhatsApp Image 2019-10-30 at 16.30.50WhatsApp Image 2019-10-30 at 16.30.12

Música e fé marcam mais uma apresentação da OJG

WhatsApp Image 2019-10-16 at 23.02.34WhatsApp Image 2019-10-16 at 23.02.34 (1)Maria Alacoque foi um sucesso! A apresentação na Paróquia contou com músicas durante a missa,  como “Cinema Paradiso” e “Gabriel’s Oboe”. Logo após, a Orquestra tocou “Primavera de Vivaldi”, com o solo do violinista Diego Daniel e os acompanhamentos de solos da spalla Giovanna Lucíllia e a chefe de naipe dos segundos violinos, Kênia Eduarda. Também foram tocadas as músicas “Va Pensiero” e “Barbeiro de Sevilha”, além do coral formado pelos próprios alunos presentes na apresentação, que cantou um pout-pourri de músicas africanas da época do apartheid e a música religiosa “Let’Break”, encantando a todos ali presentes. Mais uma apresentação de sucesso e que agradou e levou música boa para o querido público. Foi um prazer realizar mais uma apresentação na Paróquia Santa Margarida Maria Alacoque, onde sempre somos muito bem recebidos com pessoas que nos prestigiam com muita alegria e amor!

Show no intervalo

Os alunos da RHI Magnesita fizeram a primeira apresentação, no dia 08 de outubro, durante o intervalo. Com apenas duas aulas, os alunos das turmas de violinos e violas clássicas apresentaram duas canções. Os alunos da turma de sopros, da professora Kézia Azevedo, acompanharam a apresentação na percussão. Para ficar ainda mais completo, a instituição recebeu a ex-aluna de violino, Marina Barroso, que apresentou uma linda canção, Ave Maria de “Unto Mononen”, 3 anos depois de sua saída da orquestra. Marina voltou para contar como tem sido a sua trajetória. Agora, com 12 anos, ela se dedica à música clássica e vê nela uma oportunidade de ingressar na faculdade.

IMG_2599IMG_2613